Existem muitos mitos e tabus ainda sobre esse órgão maravilhoso, a vagina é um alvo de fascinação,
quem sabe algum povo antigo já o tratou como uma divindade.

Assim, o órgão interno do corpo feminino é bastante complexo e pouco conhecido alem de ser
uma fonte de prazer inigualáveis.

VEJA:

Existe tamanho ideal para o pênis?

 

Confira as 5 coisas que você não sabe sobre sua vagina:

O clitóris tem aproximadamente 8 mil terminações nervosas, por isso é tão sensível. Muitas mulheres preferem estímulos que não sejam diretamente no clitóris e sim ao lado dele. A título de curiosidade, o pênis tem cerca de 4 mil terminações nervosas, é por este motivo que você deve fazer oral em sua parceira.

A vagina mede de 7 a 10 cm, mas quando a mulher está excitada o canal pode dobrar de tamanho! As paredes da vagina tem “dobrinhas” que se abrem preparando para a relação sexual.
Por isso, qualquer tipo de penetração sem que a mulher esteja relaxada e excitada, pode ser bem desconfortável.
O mesmo mecanismo acontece durante o parto.

Você sabia que os pelos pubianos caem a cada 3 semanas. se for comparar o cabelo pode durar até 7 anos.

Preste atenção, a vagina tem um mecanismo de limpeza incrível. A flora bacteriana e a lubrificação deixam a vagina equilibrada. Por isso duchas, sabonetes e absorventes internos podem desequilibrar a flora e o Ph, propiciando mais risco de infecção.

A origem da palavra vagina vem do latim e significa ‘bainha’ (peça de couro que cobre a lâmina de uma espada). O anatomista Johann Vesling usou a palavra vagina pela primeira vez em 1641 para descrever o órgão feminino, como uma referência a “bainha que cobre a espada”, ou seja, o pênis sendo envolvido pela vagina, durante o ato sexual.