Até que a morte do amor os separe

Role Pra Ler

O amor pode acabar,

aliás ele pode ficar desgastando com o tempo simplesmente porque é um organismo vivo e ativo e isso pode morrer aos poucos, você deve aceitar este fato simplesmente porque assim você aprenderá a fazer mudanças e a renovar a si mesmo e o seu amor pela pessoa que você ama e por você mesmo.

O fim do amor

não está nem perto de ser o fim de uma relação isso deixa a separação ainda mais complicada e difícil, talvez a relação já esteja gastada demais agonizando pelos cantos, mas o amor ele não, o amor está gritante, fervoroso de tão vivo, mas por tão quente que o amor esteja ele não consegue alimentar mais a relação como antes, não consegue sustentar tudo sozinho. A solidão dói, mas a presença não nutre nem aconchega. Nenhum dos dois se sente acompanhado nem valorizado.

Neste processo você se pergunta que saudade é essa que você sente rotineiramente durante todo dia? Aquela vontade louca de chegar logo em casa encontrar o seu alguém, mas a realidade não se encaixa na coleção de lembranças que você armazena até hoje, aquele olhar distante, a voz do outro tem um tom estranho, você chega em casa e não encontra aquele alguém que a saudade custava preencher, os assuntos não são mais os mesmos de antes, cada encontro se torna um desencontro ainda maior. E lá pensando, procurando quieto no seu canto, lá no fundo da tristeza, você lembra de como era bom, quantos melhores momentos tiveram, quantas tantas descobertas, cada enredo, cada encaixe, grito, sonhos, planos, suspiro e sussurro. E aquele passado todo te dá forças para prosseguir. Seguir tentando, sem nem saber o que. Tentar voltar ao que era para poder ir onde se queria tanto. Tentar melhorar e continuar a ser feliz porque, afinal, nada mudou ambos aí, não dizem que o amor tudo vence, e os planos, a velhice, as lembranças compartilhadas. Inspirados num passado viçoso e feliz é que criamos um futuro juntos, mas o presente é necessário para pavimentar esse caminho. Ou cairemos num abismo.

Não sei como o amor funciona,

para falar a verdade aprendo todos os dias sobre o amor, relacionamento e sexo sempre que escrevo algo aqui para o blog, mas quando o amor fica doente ele não avisa, não dá sinais visíveis, não existe forma pra afirmar se isso é passageiro ou se é pra sempre, mas é necessário aceitar que o amor, que um grande amor morreu ou se esgotou e gritar vitória de ter vivido um grande amor, porque isso provavelmente ficará pra sempre gravado em você.

E fique sabendo que amor só não basta de nada, não adianta falar só que o amor é necessário porque não é, é necessário muito mais além do amor, pois não adianta se fixar no amor e esquecer do diálogo, projetos no futuro, sair a sós a dois, tesão, reconhecimento, apoio, amizade e uma lista infinita de coisas. Se você não consegue vê o outro, saborear a presença do outro até mesmo se você não torce mais pela expansão do outro, não existe forma para viver junto muito menos ser companheiro ou se envolver em um relacionamento mais sério.

Faça do seu amor que mesmo que nao seja imortal posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure.

 

Para viver um grande amor, preciso
É muita concentração e muito siso
Muita seriedade e pouco riso
Para viver um grande amor

 

Vinícius De Moraes

Pular para a barra de ferramentas