Bolinha tailandesa, técnicas para conseguir mais orgasmos

Role Pra Ler

A bolinha tailandesa nasceu há mais de três mil anos, na Índia, foi aperfeiçoada em países como Tailândia e Japão, são várias bolinhas unidas por um fio, existem diversos tamanhos e materiais, tais como, vidro, látex, plástico e metal. A bolinha tailandesa ainda é um objeto de prazer bastante subestimado como brinquedos sexuais do mercado ela pode oferecer um conjunto diversificado de benefícios, capaz de agradar até as exigentes e pode até beneficiar a sua saúde.

Usá-las todos os dias, por 15 minutos, pode ajudar a fortalecer os músculos do assoalho pélvico. Parece pouco, mas esse fortalecimento é capaz de aumentar a duração e o prazer do orgasmo feminino e até mesmo alterar a forma como ele ocorre.

Como usar a bolinha tailandesa

As bolas podem ser inseridas a qualquer momento. Depois que as mulheres fazem a inserção, são capazes de ir caminhar, correr, nadar, malhar, fazer sexo ou qualquer outra coisa. Geralmente, é necessário começar com modelos menores e mais leves, que são mais fáceis de segurar.

Quando seus músculos vaginais começam a se fortalecer, você será capaz de usar bolas maiores e mais pesadas. Elas parecem produzir um prazer mais sexual, devido à vibração e ao atrito, podendo levar ao orgasmo muito rapidamente.

Inserir as bolas é um processo relativamente simples, mas pode variar dependendo do tipo que você está usando. A ideia básica é sempre a mesma, mas é preciso ter cuidado para não se machucar.

Use lubrificação para ajudar as bolinhas a deslizarem. Deite-se e insira o objeto quando sentir que está completamente relaxada. Segure as bolas dentro da vagina, enrijecendo os músculos das pernas. Viu como é fácil?

Antes e depois de cada uso, é importante lavá-las bem com água morna e sabão neutro. Não se esqueça de higienizar também as conexões. Procure ficar pouco tempo com elas no início, aumentando os períodos aos poucos.

Para estimular a excitação, basta sentar e balançar para trás e para a frente, com as pernas pressionadas e juntas. Use a corda de segurança para puxá-las para fora e para dentro. Isso dará à vagina um bom treino.

Pular para a barra de ferramentas