Calcinha Justa

Câncer de testículo o que é?  O tumor de testículo é 5% dos casos de câncer entre os homens e para felicidade facilmente se tem cura quando é detectado precocemente, ou seja, quando se previne e vai ao medico regularmente, e ainda apresenta um baixo numero de mortalidade, mas apesar de ser raro é bastante preocupante, pois a um grande numero de incidente entre os homens de 15 a 50 anos podendo por sua vez ser confundido ou ate mesmo se mascara por orquiepididimites (inflamação dos testículos e dos epidídimos (canal localizado atrás do testículo e que coleta e carrega o esperma) geralmente transmitidas sexualmente).

Sintomas de Câncer de testículo; é mais comum o aparecimento de um nódulo duro, geralmente indolor e que tem o tamanho de uma ervilha, mas outras alterações podem e devem ser vistas como o aumento ou ate mesmo a diminuição no tamanho dos testículos, nódulos ou endurecimentos, dor no abdome, ao fazer xixi e tiver sangue na urina, e o aumento da sensibilidade dos mamilos, agora se você estiver tendo alguns dos sintomas o médico, um urologista de ser consultado rapidamente para evitar problemas futuros.

Diagnóstico de Câncer de testículo; por um lado o câncer de testículo é um dos tipos agressivos e tem um índice alto de duplicação de suas células tumores, ou seja, ele tem uma evolução muito rápida, já por outro lado ele é bem mais fácil de ser diagnosticado e tem um algo índice de cura já que os tratamentos respondem bem as quimioterapias.

Tratamento e Cuidados para o Câncer de Testículo

Com o diagnostico feito, muitas vezes o tratamento inicial para o câncer de testículo é sempre cirúrgico, o qual expõe o testículo a uma biopsia que seria; a retirada de um fragmento de tecido para ser examinado ao microscópio.  O resultado do exame é dado no mesmo dia ao paciente, em caso positivo a realização da cirurgia é feita no mesmo dia extraindo o testículo. Muitos homens ficam preocupados com a retirada do testículo, mas a função sexual ou reprodutiva não é afetada, desde que o outro testículo esteja saudável.

O tratamento também poderá ser radioterápico, quimioterápico ou através de controle clínico. Ao detectar o câncer de testículo e ter feito os devidos procedimentos para a retirada do mesmo, e necessário que exista sempre uma avaliação para que possa detectar a presença ou a possibilidade de disseminação da doença para outros órgãos.

Prevenção

O desencadeamento desta doença pode ser associado ao histórico familiar, lesões e traumas na bolsa escrotal e a criptorquidia (quando o testículo não desce para a bolsa escrotal).  Não existe uma forma de evitar este tipo de câncer, é apenas recomendável o autoexame mensal nos testículos para que possa ser sentido algum módulo anormal. E com as crianças é necessário que o pediatra verifique se a descida dos testículos para a bolsa escrotal ocorreu normalmente, caso contrário deverá tomar medidas para reverter.

Duvida e Sugestões: [email protected]

<p>Escritor, blogueiro, e futuramente youtuber. Desde 2001 na internet a procura do conteúdo perfeito, envie dicas de assuntos e dicas via Instagram, Facebook ou Twitter e saia da rotina em seu relacionamento.</p>

Next Post
Pular para a barra de ferramentas