Mini Enciclopédia século XVI

Role Pra Ler

São variados nomes escrotos usados pelos escritores daquela época para escrever textos ousados e explícitos, pra eles porque pra gente não. Uma realidade muito diferente dos dias de hoje, que só é abrir o Facebook que tem vídeos loucos lá.

Então vamos lá, aos nomes e significados.

  • Vaso natural: vagina, buceta, pepeca.
  • Cumprir: gozar, chegar ao orgasmo.
  • Polução de semente: ejaculação, jogada de esperma na sua cara, rsrs.
  • Vaso traseiro: cu (ânus).
  • Serventa de ânus: sinônimo de cu.
  • Polegada: antiga medida de comprimento, equivalente a 2,75 cm. Vários homens homossexuais daquela época faziam a essa pergunta: ‘’Quantas polegadas de pica você tem’’?
  • Membro viril: pau, rola, pênis.
  • Penem in anum arrigere: excitar o pênis no cu.
  • Ejaculation in os: ejaculação na boca.

Então galera, são nomes em estranhos e complicados, e hoje graças temos nomes mais simples, e não rola essa confusão ai. Esse post terá 2° parte com os nomes insanos do século XVII, e também terá alguns contos daquela época. Porque Pussy White também é história e cultura! E espero que gostem porque estou meio com um pé atrás de escrever isso, e vocês não gostarem.

Essa galera de antigamente, dos séculos passados são bem escrotos. Era uma época sem televisão, sem computadores, sem celulares então eles fodiam. Vira e mexe faziam orgia. E hoje nem podemos dizer ‘’pai, mãe vou ali fuder, não me liguem não tenho hora pra voltar’’ temos que mentir dizer que vamos fazer trabalho na casa de amiga.

A história do Brasil é regada de sexo. Os caras de Cabral comia as índias no mato, os escravos comiam qualquer um, então… Fuder é coisa dos nossos antepassados e vamos ai comer geral.

Falem comigo, escreva no campo aqui de baixo que tentarei responder vocês na velocidade de luz. E curtam a nossa página no Facebook: Calcinha Justa

 

[contact-form-7 404 "Not Found"]

 

Pular para a barra de ferramentas