Uma questão que costuma aterrorizar muitas de mulheres por aí, algumas tem vergonha de pergunta para o parceiro ou até mesmo questionar se a ‘sexagem’ foi realmente boa ou se foi ruim, isso por parecer que o problema está com ela e nessa pegada de achismo acabam ficando quietas. Mas para surpresa de muitas não sentir prazer durante o sexo, ou com penetração é um tanto quanto normal, neste artigo vamos lhe mostrar que tudo pode ter uma solução e que a culpa não esta em ninguém.

Compartilhe com amigos, marque suas amigas e vamos trocar essa ideia.

Não sentir prazer com penetração é normal?

Sim, simplesmente porque o acesso ao prazer vaginal é maior do que ao clitóris por exemplo que está na parte externa do corpo da mulher, além de tudo isso, as terminações nervosas da vagina que é responsável pelo prazer está localizada a 5 cm da entrada, bem lá dentro, já o clitóris que está ali pertinho e exposto tem 8 mil terminações nervosas que provocam muitas sensações.

O sexo é uma arte e o orgasmo é algo que é muito mais psicológico que fisiológico. Para ter um orgasmo e uma transa boa a mulher tem que estar no momento, se entregar a ousadia como se fosse a última ousadia da sua vida (acho que podemos dizer isso), além de ter que estar muito excitada, estimulada e com a lubrificação bastante alta. Mas se você esta transando mas com a cabeça no mundo da lua, estressada com alguma coisa, até mesmo se tiver distraída isso vai atrapalhar o rendimento e fazer com que você não consiga chegar ao orgasmo nem mesmo pelo clitóris, e se você pressionar sua mente em querer chegar la, sentir prazer a qualquer custo, aí que não vai da certo e você vai só se cansar.

O Orgasmos vaginal só é atingido depois de muito tempo de sexagem, devagar, rápida e com muito estímulos, use as mãos para se tocar enquanto o sexo acontece, isso poderá lhe ajudar até mesmo porque se não estiver lubrificada o suficiente não tem cuspe, lubrificante que lhe ajude por muito tempo, você irá se machucar. além de tudo isso deve-se dedicar 15 minutos de preliminares, o que é algo tão bom e poucos homens fazem, 15 minutinhos para que o corpo da mulher esquente e se interesse pelo momento que vai vir logo em seguida, aí ela vai estar pronta para penetração. Não tenha pressa você mulher e não tenha pressa você homem, afinal para onde vocês vão?

Cada mulher tem um momento de prazer diferente, então caso algo acontece não se culpe, e nem culpe seu parceiro, basta chegar e conversa “o que aconteceu?” foi bom pra você como foi para mim?” ou “aquela transa foi mais ou menos vamos tentar novamente?”

A frigidez ou falta de desejo sexual:

Uma das disfunções sexuais mais comuns nas mulheres. Mais de 50% das pacientes atendidas nos consultórios apresentam o problema. Mas é preciso deixar claro que frigidez e ausência de orgasmo são dois problemas diferentes. Mulheres que não conseguem experimentar orgasmo podem continuar tendo prazer e interesse sexual. Já no caso da frigidez, o principal sintoma é a diminuição ou falta de desejo.

Outros motivos que podem causar a diminuição ou perda da libido são as alterações hormonais, debilidade física, problemas vasculares ou circulatórios e uso incorreto de medicamentos. Fumo e álcool também podem causar frigidez, pois atuam como depressivos.

Então, entenda que não sentir prazer durante a relação sexual é algo normal e até um pouco difícil de se conseguir, como sabemos vai de cada mulher e cada mulher tem seu tempo, pode ser que não se tenha clímax, conexão, movimento, mas nunca se culpe caso isso um dia ocorra com você. É necessário que você peça ao seu parceiro (a) para ir devagar e focar a atenção nas preliminares para que o estimulo seja favorável a situação, entendendo que o sexo é dialogo mesmo que haja a necessidade de ficar calado (em partes), você pode pedir para que alguns movimentos durem um pouco mais.