Quando o relacionamento caminha para algo mais sério, firmado e repleto de promessas, sempre surge entre o casal aquele receio. Afinal, o que será que muda depois do casamento?

Sem dúvida, vocês não terão os mesmos costumes que tinham durante o namoro, e precisam pensar muito bem se estão preparados para enfrentar a vida a dois, que não é fácil.

Está de casamento marcado? Então vamos conversar um pouco sobre o assunto.

Enfrentar a rotina

O ser humano gosta do mistério, da escassez e se sente atraído pela falta. Quando a relação evolui para um casamento, tudo isso tende a se perder. Você vai ver o parceiro todos os dias, vai ver como é acordar ao lado dele, seus momentos de estresse, seu descuido com a aparência no dia a dia, e por aí vai.

Mas não tem como ser diferente? Não queremos desanimar ninguém, longe disso, mas é muito difícil se manter determinados cuidados para não acabar com o romantismo. É quase que normal e faz parte da rotina.

Porém, a questão mais importante é a disposição dos dois de quererem estar juntos, mesmo diante dessas dificuldades.

Sexo tende a diminuir

Nos primeiros meses vocês estarão aproveitando, e vão querer transar em todos os cantos da casa. Aproveite bem essa fase. Depois, principalmente com a chegada dos filhos, o sexo tende a diminuir.

Inclusive, de acordo com a psicanalista Regina Navarro Lins, o casamento é o lugar onde se menos faz sexo, e as pessoas tendem a virar irmãos. Existe exceção à regra? Com certeza, mas na maioria dos casais a rotina do casamento é bastante parecida.

Falta criatividade, estímulo e até preguiça para manter a chama acesa.

Mas como mudar isso?

Não vale a pena encanar e entrar no casamento já preocupado com os possíveis problemas e mudanças que podem ocorrer na relação a dois.

Procure fazer sempre o seu melhor e seja resiliente, permitindo que o amor e a chama da paixão não apague!