Enviar mensagens para outra pessoa pode ser considerada uma microtraição?

Estava lendo alguns artigos na internet encontrei um assunto interessante pra compartilhar com vocês, todo mundo tem medo de ser traído, mas você conhece a microtraição, aquela coisa considerável por mim como besta, mas que pode acarretar problemas futuros entoa é sempre bom ficar atento.

Antes era fácil identificar uma traição bastava observar alguns pontos, como, perfume diferente, nota fiscal de local anormal, batom no colarinho da camisa, mas, com o avanço das tecnologias a descoberta ficou muito mais fácil, já que ninguém leva muita fé que o outro não vá desconfiar.

Mas como nome diz é uma microtraição, logo é algo pequeno, mas, que precisa de uma atenção grande, afinal alimentar algo sem futuro é o que pode atrapalhar o seu presente.

Logo percebi que o termo microtraição tem a ver com as pequenas coisas que logicamente não pode ser levadas a sério num relacionamento, mas que devem ser acompanhadas de perto, porque é até engraçado esse “problema” que talvez nem seja um problema, a questão de tudo é saber com quem você está se relacionando, que tipo de pessoa você está convivendo ao lado.

Existe uma lista de possíveis cenários possíveis que possam parecer que você esta entrando em uma furada.

Enviar uma mensagem para o seu ex

Você está em um show com seu parceiro. E acontece que os shows de abertura são a banda favorita do seu ex ou da sua ex. Você tira uma foto e envia para ele/ela. 24 horas depois, ele responde com um beijo no final da mensagem. Se você continuar a conversa, você está sendo infiel?

Logicamente que não, quando um relacionamento acaba, você não pode ser um babaca ou uma babacona e deletar a outra pessoa que conviveu com você por tantos anos, o que você não deve fazer é querer manter um contato próximo e intimo, a distancia é algo interessante, mas nao há aquela necessidade de esquecer a pessoa e a ignora-la.

‘Curtir’ as postagens de alguém nas redes sociais

Você está na cama. Você apaga as luzes, mas não consegue dormir. Você começa a mexer o polegar no Instagram e a curtir fotos de alguém com quem, se você não estivesse em um relacionamento, gostaria de estar. Você faz o mesmo durante o almoço e no ônibus a caminho de casa você deixa alguns emojis em suas últimas publicações, incluindo um coração.

Construir uma amizade ‘platônica’ na internet

Você saiu de férias com um grupo de amigos da universidade e teve um grande momento com alguém da sua turma. Tornar-se amigo do Facebook parecia um passo lógico. De lá, vocês começaram a se seguir no Instagram. De repente, um dia você recebe uma mensagem pedindo o número: ele quer falar com você sobre o trabalho do curso.

Não excluir seu perfil em aplicativos de namoro

Depois de vários meses usando aplicativos de namoro, você passou algum tempo no que parece se tornar um relacionamento real. É ótimo, mas você ainda não decidiu excluir seu perfil nos aplicativos. Você até os usa quando está entediado.

Você esta ou já vivenciou essa situação? Pare ou de limites aos seus costumes.