Sexy Hot reformula seu canal no YouTube com novas apresentadoras e quadros inéditos

Role Pra Ler

O novo conteúdo estará disponível a partir de 20 de março 

O Sexy

aposta em novidades para seu canal no YouTube, o Só Para Maiores. Totalmente reformulado, com novas apresentadoras, o formato, que estreia nesta segunda, 20, contará com cinco quadros intercalados e atualização semanal, toda segunda-feira. A sexpert e psicóloga Tatiana Presser e a atriz Natália Rosa são os novos nomes dessa empreitada. E tem sexo para todos os gostos, seja em entrevistas, eventos do mundo pornô e conselhos de especialistas. “O assunto é muito natural para mim, não tenho pudor, mas nunca lidei diretamente com esse universo como apresentadora, então sempre bate uma expectativa grande”, afirma Natalia Rosa.

No quadro “Canal Adentro”,

os internautas poderão conferir tudo que rola nos bastidores do Sexy Hot, conhecer os funcionários, suas rotinas e histórias mais curiosas de quem trabalha com sexo o dia todo. Esse será o espaço para saber das novidades e destaques da programação do canal da TV mês a mês. No “Contra Parede”, celebridades como Mr. Catra serão sabatinadas com perguntas quentes e indiscretas.  Já em “Cobertura Sexy Hot”, Natália irá acompanhar eventos do mundo pornô como feiras eróticas, festas e o Prêmio Sexy Hot, mostrando um universo muitas vezes desconhecido do público.

Tati Presser irá tirar as dúvidas dos internautas e seguidores no quadro “Sexpert Responde”. “Gosto de falar que sou a Super Nanny do sexo. E a ideia é justamente que eu ajude em assuntos que muitas vezes são tratados como tabus e que as pessoas sentem vergonha”, afirma Tatiana. E para quem quer aprender com os melhores, o Conselho de Porn Star vai reunir atores e atrizes pornô num jogo de perguntas rapidinhas e sem-vergonha.

“Queríamos um espaço para reunir comportamento, sexo e entretenimento de maneira divertida e com a linguagem da internet. No You Tube não entra sexo explícito, então será o lugar para o espectador aproveitar outras nuances do sexo”, afirma Maurício Paletta, diretor da Playboy do Brasil.

Pular para a barra de ferramentas